4 de abril de 2011

A vida como meditação [Osho]


A religião não deveria ser uma atividade à parte, não deveria ser separada da vida: ela deveria se tornar sua própria vida.
Tudo que uma pessoa estiver fazendo — cozinhando, lavando roupas, cuidando do jardim — é oração, é meditação, é celebração.
Quando a religião se torna algo separado da vida, ela cria escapismo. Quando a religião significa vida, ela se torna criatividade.
Leve a vida da maneira mais leve possível. Quanto mais leve for a vida, mais próximo da iluminação você estará. Quanto mais leve for a vida, mais cheio de luz você estará.

Osho, em "Meditações Para a Noite"
Imagem por MarcelGermain