11 de julho de 2011

Gosto quase estranho [Mia]

 Gosto da rua quase vazia de manhã.
Gosto do vento frio e da claridade nascente, que ainda não me incomoda os olhos.
Gosto de andar sem ninguém do lado, sem pressa.
Gosto dos passarinhos cantando, das árvores balançando...